A LÍNGUA MATER

A língua é uma particularidade de cada povo . É uma espécie de patrimônio de uma nação visto que podemos destruir tudo o que existe num país , exceto a sua língua oficial .

Acho que o sabermos falar uma língua corretamente , principalmente a nossa língua portuguesa ou expressar -nos em várias línguas estrangeiras , já é uma grande vitória para o engrandecimento da cultura da nossa Pátria tanto quanto para o nosso próprio desenvolvimento intelectual .

Conhecer a fundo nossa língua mãe e saber , mesmo que seja um pouco da língua dos países irmãos , significa que , apesar das discórdias entre homens de elevadas culturas e das “guerras frias e insanas  “, as quais vêm atrasando o desenvolvimento e a vida de alguns países, não nos foi tirada por completo a compreensão de nos entendermos por meio da língua , pois ela é um dos mais eficazes meio de comunicação existentes .

No início da colonização portuguesa no Brasil (a partir da descoberta, em 1500), o tupi (mais precisamente, o tupinambá, uma língua do litoral brasileiro da família tupi-guarani) foi usado como língua geral na colônia, ao lado do português, principalmente graças aos padres jesuítas que haviam estudado e difundido a língua. Em 1757, a utilização do tupi foi proibida por uma Provisão Real. Tal medida foi possível porque, a essa altura, o tupi já estava sendo suplantado pelo português, em virtude da chegada de muitos imigrantes da metrópole. Com a expulsão dos jesuítas em 1759, o português fixou-se definitivamente como o idioma do Brasil. Das línguas indígenas, o português herdou palavras ligadas à flora e à fauna (abacaxi,mandioca, caju, tatu, piranha), bem como nomes próprios e geográficos.

Com o fluxo de escravos trazidos da África, a língua falada na colônia recebeu novas contribuições. A influência africana no português do Brasil, que em alguns casos chegou também à Europa, veio principalmente do iorubá, falado pelos negros vindos da Nigéria (vocabulário ligado à religião e à cozinha afro brasileiras), e do quimbundo angolano (palavras como caçula, moleque e samba)

Após a independência (1822), o português falado no Brasil sofreu influências de imigrantes europeus que se instalaram no centro e sul do país. Isso explica certas modalidades de pronúncia e algumas mudanças superficiais de léxico que existem entre as regiões do Brasil, que variam de acordo com o fluxo migratório que cada uma recebeu.

No século XX ( 1922 ) foi rompido os modelos tradicionais portugueses e as peculiaridades do falar brasileiro foram consagradas literariamente .

 

A Língua Portuguesa  é a oitava língua mais falada do planeta, terceira entre as línguas ocidentais, após o inglês e o castelhano.

O português é a língua oficial em oito países de quatro continentes:

  • Angola , Brasil , Cabo Verde , Guiné Bissau , Moçambique , Portugal , São Tomé e Príncipe e Timor Leste

As gerações vão nascendo , crescendo, vivendo e morrendo , porém , a língua vive sempre e não perecerá jamais .

 

VIRGINIA LEITE

Anúncios

Sobre vileite

Sou uma pessoa amiga e confiável !Sou contra todas as formas de opressão e comunismo . Acredito na justiça divina que não falha nunca!
Esse post foi publicado em Notícias e política e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para A LÍNGUA MATER

  1. Pingback: TAG: A primeira vez a gente nunca esquece | Devaneadora de Ideias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s