REMINISCÊNCIAS…

Resultado de imagem para rompimentos amorosos

Sim , meu amor era indefinível …

Gostava de vê-lo contente…

Amava -o de forma terrível ,

com um ciúme que me torturava 

a minha pobre mente .

Só quem ama como eu amava

é que me compreende

e desculpa o meu ciúme doente…

Julgava o amor dele infalível ,

e a  ele me entregava com alegria ,

dia após dia…

Quando eu prendia ,

na sua mão ,

a minha tão sensível ,

oh ! que prazer e harmonia

que eu sentia ,

meu bom Deus !…

Hoje , vivo com esse desejo atroz :

A tua volta para nós – 

a mim e ao nosso amor …

Ah ! quão infeliz eu sou com essa dor –

nau perdida do amor ,

num mar de infelicidade ,

sem nenhuma tranquilidade !…

VIRGINIA LEITE

Anúncios

Sobre vileite

Sou uma pessoa amiga e confiável !Sou contra todas as formas de opressão e comunismo . Acredito na justiça divina que não falha nunca!
Esse post foi publicado em POESIAS e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para REMINISCÊNCIAS…

  1. foureaux disse:

    Mais um poema memorável!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s